28
Fev 08

bebê,  mão,  sendo,segurado,  adulto,mão. fotosearch- busca de fotos,imagens e clipart

 

Após a leitura do blog da Beatriz, fiquei com um aperto no peito, como sempre que leio ou oiço histórias destas. Fico a pensar e se fosse eu?

É verdade que só tendo conhecimento destas realidades é que paro para pensar na sorte que tenho de ter dois filhos saudáveis, do pouco valor que dou a isso, das minhas reclamações estúpidas e egoístas. Que tenho eu de reclamar? Nada, absolutamente nada!

Todos os dias devia dar Graças a Deus pela vida que tenho. Mas não, encontro sempre defeitos, falhas, "merdices", e no entanto há crianças a passar fome, maus tratos e muita falta de amor. Há pais a chorarem a morte dos seus filhos, arrancados dos seus colos de uma forma cruel e atroz. E o mundo avança olhando para o seu triste umbigo, sem olhar para o lado, maldizendo a sua "triste" vida...

Vamos aproveitar o que temos, agradecer pela nossa vida "medíocre", que afinal, é tão feliz!!!

publicado por Anjos às 17:08
sinto-me: Triste

também fiquei sem palavras em realção a esta "históra" tão dolorosa, senti-me de facto muito pequena.
temos sim e como tu MUITO bem disseste, agradecer de facto TODOS OS DIAS da nossa vida pelo bem e por TUDO o que temos.
beijinho com muitaaaaaaa amizade para ti
raquel
espaço da raquel a 28 de Fevereiro de 2008 às 17:40

Obrigada, e agradeço a tua amizade
Anjos a 28 de Fevereiro de 2008 às 17:54

essas coisas não se agradecem, DÃO-SE simplesmente
espaço da raquel a 28 de Fevereiro de 2008 às 18:08

Pensei exactamente o mesmo quando li este blog... nós não imaginamos as coisas cruéis que se passa por este Mundo, o sofrimento que existe... e nós sempre a queixar-nos e a não dar valor ao que temos...
Enfim, é assim a especie humana...

Beijokinhas
mamaepedro a 28 de Fevereiro de 2008 às 17:57

Sóconseguimos olhar para o nosso "mundo"...
Anjos a 28 de Fevereiro de 2008 às 17:59

mais sobre mim
blogs SAPO